Maria ajuda os Apóstolos a entrar em contemplação

24 05 2009

Maria guardou no seu coração, tudo o que aconteceu no dia da Ascensão.
Instruída pelo exemplo de seu Filho, compreendeu a vontade do Pai
em relação a Ela, expondo-se, dócil e plenamente aos desígnios divinos
com o seu FIAT – “Seja feita a sua vontade”; o FIAT da Anunciação e
o FIAT da Cruz conduziram Maria ao FIAT da Ascensão.
Jesus já não estava é preciso que aceitasse viver este mistério da separação;
um desprendimento, um desapego total, mais puro e perfeito
do que todos os que Ela havia vivido, até então.
Maria jamais hesitou; nunca hesitou em qualquer momento.

Ei-la, mais uma vez comprometida, a partir da morte de seu Filho,
na tarefa de unir os Apóstolos.
Aqueles desconcertantes acontecimentos poderiam tê-los dispersado.
Contudo, Maria vivia uma vida contemplativa e a vivia, além das aparências.

Ela é aquela que crê, que espera e que ama. Ela é aquela que reúne.
Somente, poderia dizer aos Apóstolos como deveriam viver a presença viva de Jesus,
por meio do aparente afastamento que a Ascensão fazia crer.
Ela, somente, poderia levá-los à contemplação e ensiná-los
a colocar em prática tudo aquilo que viram e ouviram.

No silêncio, no recolhimento, Maria entrou em contemplação,
fazendo com que os Apóstolos a acompanhassem.
Mergulhou na contemplação do mistério de Jesus, Filho de Deus e Filho do Homem.
E, até o final dos tempos, Maria fará com que a sua Igreja penetre sempre mais,
neste mistério. Rezemos para que Maria nos introduza, também
na contemplação do mistério do amor, eternamente vivo.

Marie-Benoîte Angot

Ir. Maria dos Anjos, p. m.
irmanjosalvesam@hotmail.com





“Sede um Evangelho aberto onde todos possam ler Jesus Cristo”, Maria Rivier

23 05 2009

Um ano passou desde que criamos este espaço,
o desafio foi lançado, a semente germinou,
muitos se puseram acaminhodaFonte,
e continuamos a caminho com Jesus Cristo.
Hoje, no 27º aniversário da Beatificação da Madre Rivier,
35 novos Associados fazem o seu primeiro compromisso,
para se juntar às mil vidas que Maria Rivier tanto quis, para levar
o fogo do conhecimento e do amor de Jesus Cristo e de Maria sua Mãe
por toda parte!
Foi Profeta, foi Apóstolo
só de Cristo ela falou
incarnou sua Palavra
na alegria A proclamou.

Foi profeta, foi Apóstolo
foi farol que incendiou
o Amor de Jesus Cristo
por quem toda se entregou.

Foi profeta, foi Apóstolo
foi silêncio que gritou
como a Virgem junto à cruz
ao Pai toda se imolou!

Ir. Maria dos Anjos, p. m.
irmanjosalvesam@hotmail.com





Aprendei a permanecer no Coração de Jesus

22 05 2009

“Aprendei a permanecer no Coração de Jesus,
é aí que ireis buscar as vossas forças.
Se quereis o recolhimento, a oração, a conversão,
é neste santuário que os encontrareis…
Vinde a este divino Coração como a um casa acolhedora,
em espírito de confiança para vos purificares, libertares dos vossos pecados,
tristezas, dificuldades, neste abismo de doçura e de bondade e
aí encontrar todas as riquezas que vos são precisas conforme o vosso estado de vida”.

Madre Rivier

Ir. Maria dos Anjos, p. m.
irmanjosalvesam@hotmail.com





Deus conhece todas as coisas

21 05 2009

Não amemos com palavras e com a língua,
mas com obras e em verdade.
Deste modo saberemos que somos da verdade
e tranquilizaremos o nosso coração diante de Deus;
porque, se o nosso coração nos acusar,
Deus é maior que o nosso coração
e conhece todas as coisas.
Caríssimos, se o coração não nos acusa,
tenhamos confiança diante de Deus
e receberemos d’Ele tudo o que Lhe pedirmos,
porque cumprimos os seus mandamentos
e fazemos o que Lhe é agradável.
É este o seu mandamento:
acreditar no nome de seu Filho, Jesus Cristo,
e amar-nos uns aos outros, como Ele nos mandou.
Quem observa os seus mandamentos
permanece em Deus e Deus nele.
E sabemos que permanece em nós
pelo Espírito que nos concedeu.

1 Jo 3,18-24

Ir. Maria dos Anjos, p. m.
irmanjosalvesam@hotmail.com





Eu vim trazer o fogo à terra!

20 05 2009

O zelo é o fruto do amor apaixonado de Deus.
Em grego, a palavra tem a conotação de “fogo”.
Jesus, o Enviado do Pai, fez a experiência deste amor apaixonado.
O próprio Jesus dizia: “Eu vim trazer o fogo à terra!”

A chama de zelo de Maria Rivier não lhe dava repouso.
Transmitir esta chama às suas irmãs constituirá uma alegria e
um tormento até ao último momento da sua vida.
“Deveríamos ser todas de fogo no serviço do Senhor:
tenho esperança que isto acontecerá e
que no fim viveremos unicamente para Ele, e
já não haverá procura de nós mesmas.
Que Deus nos conceda esta graça.” (Carta à Irmã Xavier)

Ir. Maria dos Anjos, p. m.
irmanjosalvesam@hotmail.com





Permanecei em Mim e Eu permanecerei em vós

19 05 2009

Diz o Senhor Jesus:
«Permanecei em Mim e Eu permanecerei em vós;
quem permanece em Mim dá muito fruto».

Jo 15,4a-5a

Eu sou o Bom Pastor, conheço as minhas ovelhas
e as minhas ovelhas conhecem-Me.

Jo 10,14

Ir. Maria dos Anjos, p. m.
irmanjosalvesam@hotmail.com





Sem Jesus nada podemos fazer

18 05 2009

Jesus disse aos seus discípulos:
«Eu sou a verdadeira vide e meu Pai é o agricultor.
Ele corta todo o ramo que está em Mim e não dá fruto
e limpa todo aquele que dá fruto,
para que dê ainda mais fruto.
Vós já estais limpos, por causa da palavra que vos anunciei.
Permanecei em Mim e Eu permanecerei em vós.
Como o ramo não pode dar fruto por si mesmo,
se não permanecer na videira,
assim também vós, se não permanecerdes em Mim.
Eu sou a videira, vós sois os ramos.
Se alguém permanece em Mim e Eu nele,
esse dá muito fruto,
porque sem Mim nada podeis fazer.
Se alguém não permanece em Mim,
será lançado fora, como o ramo, e secará.
Esses ramos, apanham-nos, lançam-nos ao fogo e eles ardem.
Se permanecerdes em Mim
e as minhas palavras permanecerem em vós,
pedireis o que quiserdes e ser-vos-á concedido.
A glória de meu Pai é que deis muito fruto.
Então vos tornareis meus discípulos».

Jo 15,1-8

Ir. Maria dos Anjos, p. m.
irmanjosalvesam@hotmail.com








Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.